A questão da análise leiga – o benefício da doença 

Na vida civil, a doença pode ser utilizada como proteção para esconder as deficiências da pessoa no trabalho e na competição com outras; na família, como um meio de impor a própria vontade às outras e fazê-las sacrificar-se a dar provas de amor.

(…) Digno de nota é que o doente, seu Eu, nada sabe da vinculação entre esses motivos e suas ações consequentes. 

Ou seja, é inconsciente. 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s